Polanski não será libertado este fim-de-semana


 

Lusa / AO online   Internacional   27 de Nov de 2009, 11:11

O realizador Roman Polanski "não será transferido hoje, nem durante o fim-de-semana, para Gstaad [na Suíça]" onde permanecerá sob prisão domiciliária, afirmou esta sexta-feira o porta-voz do ministro da Justiça suíço Folco Galli.
A caução de 4,5 milhões de francos (03 milhões de euros) fixada pela justiça suíça não foi ainda paga, adiantou à Agência France Presse (AFP) o porta-voz.

Na sequência da decisão do Tribunal Penal Federal (TPF) de Bellinzone (sul da Suíça), o cineasta recebeu quinta-feira "luz verde" do Ministério da Justiça suíço para aguardar, após pagamento da caução e munido de uma pulseira electrónica, a sua eventual extradição para os Estados Unidos no seu chalé de Gstaad.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.