Açoriano Oriental
Paulo Cafôfo formalizou candidatura à liderança do PS/Madeira

O socialista Paulo Cafôfo formalizou a candidatura à liderança do PS/Madeira junto da Comissão Organizadora do congresso da estrutura regional do partido, foi hoje anunciado.

Paulo Cafôfo formalizou candidatura à liderança do PS/Madeira

Autor: Lusa

Segundo a informação divulgada, Paulo Cafôfo concorre com a moção de estratégia global intitulada ‘Pelas Pessoas, a Nossa Causa’, que conta com mais de 1.000 subscritores.

A candidatura foi publicamente apresentada no sábado, tendo Paulo Cafôfo defendido que o PS é o único partido capaz de devolver a esperança aos madeirenses e acusado o PSD de se servir da região para “outros interesses”.

“Estou completamente empenhado e até entusiasmado em mobilizar os nossos militantes e os nossos apoiantes para os próximos atos eleitorais. Em mim, encontrarão uma liderança forte, entusiástica e convicta na defesa do Partido Socialista, na defesa deste projeto, na defesa dos nossos princípios e na defesa da autonomia regional”, afirmou na altura Paulo Cafôfo.

Paulo Cafôfo, que desempenha o cargo de secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, anunciou a candidatura à liderança do PS/Madeira no início de outubro, depois de o atual líder regional socialista, Sérgio Gonçalves, ter anunciado que não se iria recandidatar.

A decisão de Sérgio Gonçalves surgiu na sequência dos resultados das eleições legislativas regionais, que se realizaram em 24 de setembro, tendo o grupo parlamentar do PS perdido oito deputados, passado de 19 para 11 parlamentares.

Paulo Cafôfo, de 52 anos, foi eleito presidente da Câmara do Funchal em 2013 e 2017, em coligações lideradas pelo PS, mas renunciou ao cargo em 2019 para disputar as eleições legislativas regionais em 2019, encabeçando a lista dos socialistas.

Nesse ato eleitoral, o PSD perdeu a maioria absoluta que detinha desde 1976 e o PS obteve o melhor resultado de sempre ao eleger 19 deputados dos 47 eleitos à Assembleia Legislativa da Madeira.

Nesse ano, Paulo Cafôfo, que tinha concorrido a eleições sempre como independente, decidiu tornar-se militante do PS e anunciou que se iria candidatar à liderança da estrutura regional do partido, tendo sido eleito em 25 de julho de 2020.

Após as eleições autárquicas de 26 de setembro de 2021 renunciou aos cargos de presidente do partido e de deputado na Assembleia Legislativa na Madeira, devido aos maus resultados obtidos.

A Câmara do Funchal, a principal da região, que foi governada durante oito anos por coligações lideradas pelo PS, passou a ser chefiada pelo social-democrata Pedro Calado, que encabeçou a coligação PSD/CDS-PP.

As eleições internas estão marcadas para 02 de dezembro e o XXI Congresso Regional agendado para os dias 13 e 14 de janeiro, no Funchal.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados