Açoriano Oriental
Papa lamenta o aumento da violência após ataques a civis na Ucrânia e em Gaza

O Papa Francisco expressou a sua “profunda dor” pelos recentes ataques às infraestruturas civis na Ucrânia e em Gaza, pedindo que a violência seja travada e os conflitos acabem.

Papa lamenta o aumento da violência após ataques a civis na Ucrânia e em Gaza

Autor: Lusa/AO Online

“O Papa recebeu com profunda dor a notícia dos ataques contra dois centros médicos em Kiev, entre os quais o maior hospital pediátrico da Ucrânia, assim como (o ataque) contra uma escola em Gaza”, afirmou o escritório de imprensa do Vaticano num comunicado.

“O Papa expressou o seu profundo pesar pelo aumento da violência. Ao mesmo tempo que transmitiu a sua proximidade às vítimas inocentes e aos feridos, esperando e rezando para que em breve possam ser encontrados caminhos concretos para encerrar os conflitos”, referiu a nota.

As declarações do Papa acontecem após o ataque russo na segunda-feira contra várias instalações civis em Kiev, entre as quais o hospital infantil de Okhmatdyt, e em outras cidades ucranianas que provocaram pelo menos 38 mortos, incluindo quatro crianças.

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados