Vaticano

Papa critica leis que "atentam" contra a diferença entre sexos

Papa critica leis que "atentam" contra a diferença entre sexos

 

Lusa / AO online   Internacional   11 de Jan de 2010, 18:37

O Papa Bento XVI mostrou-se esta segunda-feira contrário a todas as leis "que, em nome da luta contra a discriminação, atentam contra o fundamento biológico da diferença entre sexos".
O Sumo Pontífice, que falava perante embaixadores dos 178 Estados que mantêm relações diplomáticas com a Santa Sé e que foram recebidos no Vaticano durante a tradicional audiência do início de ano, pronunciou um discurso de carácter vincadamente político.

Segundo o cardeal Joseph Ratzinger, as criaturas são diferentes umas das outras e, como mostra a experiência quotidiana, "podem ser protegidas ou colocadas em risco de diversas formas".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.