Açoriano Oriental
“O problema do luto gestacional é que socialmente não é aceite”

A perda gestacional é mais comum do que se imagina. Os médicos dizem que acontece numa em cada três gravidezes, mas a verdade é que a sociedade pouco fala sobre este tabu, o que acaba por tornar difícil o luto para quem passa por uma interrupção de gravidez.

premium
“O problema do luto gestacional é que socialmente não é aceite”

Autor: Carolina Moreira
Ao Açoriano Oriental, a presidente da Associação para o Planeamento Familiar (APF - Açores) explica que a perda gestacional pode acontecer de diferentes maneiras. “Pode ser uma perda espontânea, pode acontecer quando, numa ecografia de consulta de rotina, nos apercebemos de que o feto não ...
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados