Açoriano Oriental
NAV investe 5,2 ME em Centro de Controlo aéreo de Santa Maria

A NAV Portugal investiu cerca de 5,2 milhões de euros na “remodelação total” do Centro de Controlo Oceânico, localizado na ilha de Santa Maria, nos Açores, disse à Lusa o vogal do conselho de administração.

NAV investe 5,2 ME em Centro de Controlo aéreo de Santa Maria

Autor: Lusa/AO Online

“Está em causa um investimento na remodelação total da nova sala de operações em Santa Maria, onde temos o Centro de Controlo Oceânico. Estamos a falar de uma vasta área sobre o atlântico que é superior a cinco milhões de quilómetros quadrados”, afirmou Pedro Ângelo, responsável da empresa que gere o tráfego aéreo nacional.

A inauguração da nova sala de operações do Centro de Controlo Oceânico da Região de Informação de Voo (RIV) de Santa Maria vai decorrer esta quarta-feira.

O espaço aéreo controlado pela NAV Portugal divide-se em duas RIV: a da Lisboa, que abrange o território continental e Madeira (670 mil quilómetros quadrados); e a de Santa Maria, que inclui o espaço aéreo no atlântico (5,18 milhões de quilómetros quadrados).

O investimento no centro de Santa Maria inclui uma nova plataforma para a gestão do tráfego e sistemas de comunicações e de receção e emissão de alta frequência.

“Este investimento significa o renovar de um compromisso com a Região Autónoma dos Açores e com a ilha de Santa Maria em particular”, destacou Pedro Ângelo.

O administrador considerou que a localização daquele centro em Santa Maria é uma “decisão estratégica”, uma vez que a NAV tem a seu cargo a “informação de voo do atlântico norte muito devido à localização” do arquipélago açoriano.

“Os Açores, estrategicamente, sempre foram um conjunto de ilhas muito importante para haver um domínio sobre o atlântico norte”, assinalou.

Devido ao investimento, Pedro Ângelo disse ter a “absoluta certeza” de que NAV vai continuar a ter a responsabilidade de controlar o tráfego aéreo no atlântico norte.

“Com todo o investimento ao longo de 20 anos, temos a absoluta certeza de que a Organização da Aviação Civil Internacional nos irá renovar a confiança para continuarmos a exercer a atividade de controlo de tráfego aéreo naquela vasta área de espaço”, afirmou.

 Nos últimos 20 anos, a NAV investiu cerca de 72,7 milhões em equipamentos e instalações em Santa Maria, tendo atualmente 134 trabalhadores na ilha mais oriental dos Açores.

Em 2019, a Região de Informação de Voo de Santa Maria registou um recorde de tráfego com 168,8 mil movimentos.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados