Operação Natal

Natal: 405 acidentes no primeiro dia, mais 86 do que em 2008

 Natal: 405 acidentes no primeiro dia, mais 86 do que em 2008

 

Lusa/AO Online   Nacional   24 de Dez de 2009, 09:51

As primeiras 24 horas da Operação de Natal da Guarda Nacional Republicana (GNR) saldaram-se em 405 acidentes, mais 86 do que no mesmo período do ano passado, segundo fonte desta força militar.

Em declarações à Lusa, o major Carlos Pereira adiantou que destes acidentes resultaram nove feridos graves (mais cinco do que em 2008) e 92 feridos ligeiros (mais dez do que no ano passado).

A mesma fonte admitiu que o acréscimo no número de acidentes pode ter a ver com o mau tempo que se tem feito sentir, que pode ter danificado, ou mesmo destruído, alguma sinalização das vias, e recomendou aos automobilistas que aumentem as precauções quando circulam.

É recomendável que se mantenha uma velocidade moderada e uma maior distância de segurança relativamente ao veículo da frente e que se verifiquem os sistemas de travagem e de direcção dos veículos, bem como se ajuste a carga dos mesmos antes de iniciar a viagem, lembrou o major Carlos Pereira.

A GNR reforçou o patrulhamento nas estradas portuguesas entre as 00:00 de quarta-feira e as 24:00 de domingo, no âmbito da Operação Natal, e vai mobilizar diariamente 2600 militares e 1200 patrulhas.

Prevê-se que os períodos "mais críticos" sejam o final de quarta-feira e todo o dia de quinta-feira, estimando-se ainda trânsito intenso para domingo no regresso das mini-férias do Natal.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.