Morreu Magalhães Mota, um dos três fundadores do PPD


 

Lusa/AO   Nacional   26 de Set de 2007, 11:34

Joaquim Magalhães Mota, um dos três fundadores do PSD, faleceu hoje no Hospital da Luz, Lisboa, vítima de doença prolongada, disse à Lusa fonte da família.
O corpo de Magalhães Mota estará em câmara ardente a partir das 16:00 na Basílica da Estrela, onde será celebrada às 14:30 de quinta-feira uma missa de corpo presente, seguindo-se o funeral para o Cemitério do Alto de S. João.

    Nascido em Santarém em 1935, licenciado em Direito em Lisboa, pertenceu à Ala Liberal juntamente com Pinto Balsemão e foi um dos fundadores em 1974 (juntamente com Sá Carneiro e Pinto Balsemão) do então PPD.

    Foi ministro da Administração Interna no I Governo Provisório, no II exerceu a função de ministro sem pasta e no VI foi ministro do Comércio, tendo sido ainda deputado à Assembleia Constituinte e à Assembleia da República entre 76 e 79 pelo PSD e a partir de 1980 pela ASDI.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.