Ministério da Cultura já recebeu parecer da ERC sobre dois novos canais na TDT


 

Lusa/Ao online   Nacional   5 de Out de 2018, 08:37

O ministério da Cultura já recebeu o parecer da Entidade Reguladora para a Comunicação social (ERC) sobre os dois novos canais privados na televisão digital terrestre (TDT), disse esta quinta feira à Lusa fonte oficial da tutela.

Em 04 de setembro, o Governo tinha enviado para a ERC os regulamentos e cadernos de encargos dos concursos para a atribuição de duas novas licenças aos operadores privados na TDT, um temático na área da informação e outro desportivo.

Contactada pela agência Lusa, fonte oficial da ERC disse que o regulador dos media aprovou na terça-feira o parecer, o qual foi enviado à tutela, sem adiantar mais detalhes.

Fonte oficial do ministério da Cultura confirmou à Lusa a receção do parecer.

Agora, depois da ERC se ter pronunciado prévia e obrigatoriamente sobre o objeto do concurso, respetivo regulamento e caderno de encargos, o projeto de regulamento é submetido, por um período de 30 dias, a apreciação pública, após publicação em Diário da República.

Só após a consulta pública é que o concurso público é aberto através de portaria elaborada pelo ministério da Cultura.

Em 23 de junho de 2016, o Conselho de Ministros aprovou o alargamento da oferta da TDT em Portugal, o que previa dois canais da RTP sem publicidade e outros dois reservados para os privados, estes últimos atribuídos mediante concurso.

As emissões da RTP3 e da RTP Memória na TDT arrancaram em 01 de dezembro de 2016, passando a oferta de televisão em sinal aberto (gratuita) a ser composta pela RTP1, RTP2, SIC, TVI, RTP3, RTP Memória e ainda o canal parlamento (AR TV).



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.