Conjuntura

Mário Lino e Vítor Bento com visões distintas sobre agências de 'rating'


 

Lusa / AO online   Economia   2 de Fev de 2010, 11:13

 O economista Vítor Bento admitiu esta terça-feira que as agências de 'rating' têm "defeitos", mas acrescentou que "é preciso contar com elas", enquanto o ex-ministro Mário Lino desvalorizou o papel destas entidades.
"Na discussão sobre as agências de 'rating', os portugueses têm-se comportado como no futebol, onde a culpa é sempre do árbitro. As agências têm defeitos e perderam alguma credibilidade com a crise, mas, gostando ou não, temos de contar com elas" porque as suas análises influenciam as decisões de investimento e o preço a que Portugal se financia, considerou Vítor Bento.

O presidente da SIBS reforçou ainda, na conferência sobre o Estado e a competitividade da economia promovida pela Antena 1 e Jornal de Negócios, "que não vale a pena ter esta discussão com elas, já que não é com opiniões que se consegue alguma coisa e sim, com factos".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.