Manifestantes retomam controlo de Tahrir e fecham acessos


 

Lusa / AO online   Internacional   19 de Nov de 2011, 17:39

Centenas de manifestantes contra a Junta Militar egípcia retomaram hoje o controlo da Praça Tahrir, no Cairo, depois da retirada das forças de segurança, e começaram a fechar os acessos ao local, noticia a EFE.

Brigadas de voluntários impedem os acessos de carros à principal praça da capital do Egito, que agora está relativamente calma, numa altura em que a polícia saiu das imediações do Ministério do Interior, reporta a agência espanhola.

A informação surge depois de o Ministério do Interior ter afirmado que pelo menos sete polícias egípcios ficaram feridos hoje em confrontos violentos entre manifestantes e as forças de segurança na praça Tahrir, registando-se ainda a detenção de cinco pessoas.

Em comunicado, o ministério egípcio do Interior informou que os ferimentos nos sete agentes foram provocados por pedras e garrafas arremessadas pelos manifestantes, que resistiram a ser desalojados da praça Tahrir, onde mantinham um acampamento com várias tendas de campanha desde sexta-feira. Segundo dados do governo, pelo menos 81 pessoas ficaram feridas nos confrontos.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.