Bolsa

Lisboa fecha a perder em linha com Europa


 

Lusa / AO online   Economia   24 de Nov de 2009, 15:57

O principal índice da bolsa portuguesa, o PSI-20, encerrou esta terça-feira a descer 0,61 por cento, para 8.480,89 pontos, em linha com a Europa, com a maioria das empresas em terreno negativo.
Dos vinte títulos que compõem o PSI-20, 16 fecharam em baixa, dois inalterados face à cotação da véspera e apenas dois ganharam valor, numa sessão em que trocaram de mãos 33 milhões de títulos, no valor de 84 milhões de euros.

Entre os cinco pesos pesados da praça portuguesa, quatro perderam valor (PT, BES, BCP e Galp Energia), ao passo que a EDP manteve-se estável face ao fecho de segunda-feira, nos 3,08 euros.

A PT recuou 1,065 por cento para 8,081 euros, o BES baixou 1,022 por cento para 4,84 euros, o BCP caiu 0,321 por cento para 0,933 euros e a Galp regrediu 0,12 por cento para 12,47 euros.

A Altri apresentou a maior desvalorização do dia, ao cair 1,97 por cento para 3,89 euros, depois de ter avançado quase quatro por cento na sessão de segunda-feira.

A Cimpor, a Sonaecom, a Semapa e a Brisa recuaram todas mais de um por cento, seguidas pelo Banco BPI, que perdeu 0,76 por cento para 2,354 euros, pela EDP Renováveis, que desceu 0,71 por cento para 6,582 euros e pela Mota Engil e Jerónimo Martins, que recuaram ambas para 0,556 por cento.

Pela positiva, apenas a Sonae Indústria e a Teixeira Duarte fecharam a sessão em alta, ganhando 0,08 por cento para 2,602 euros e 0,095 por cento para 1,059 euros, respectivamente.

Lá fora, as principais bolsas europeias também encerraram o dia a desvalorizar, com as perdas a variarem entre os 0,30 por cento de Madrid e os 0,75 por cento de Paris.

Depois de terem negociado em alta depois de ter sido divulgado que o índice de confiança dos investidores alemães subiu para o patamar mais alto de 15 meses, os mercados europeus passaram para terreno negativo com a reacção aos números dos gastos dos consumidores norte-americanos, que subiram menos do que era esperado pelos especialistas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.