Leiloeira Christie's vende relógios de luxo por valor recorde de 33 ME


 

Lusa/AO online   Economia   12 de Nov de 2013, 10:06

A leiloeira Christie's anunciou ter vendido um conjunto de relógios de luxo por valores recorde, totalizando 33 milhões de euros, em três sessões realizadas no domingo e na segunda-feira em Genebra, na Suíça.

A venda desses relógios de luxo chegaram aos 43,9 milhões de dólares (33 milhões de euros), indicou a Christie’s, sublinhando tratar-se de “um recorde mundial na venda de relógios”.

Na segunda-feira, a leiloeira britânica, uma das mais reputadas do mercado, vendeu 325 lotes por 23 milhões de euros, sendo os mais caros dois Patek Philippe, um em ouro rosa rematado por 1,6 milhões de euros e outro em ouro vendido por 1,1 milhões de euros.

Todos os compradores quiseram manter o anonimato.

No domingo, a Christie’s vendeu uma série de 50 Rolex Daytona “Lesson One” por um total de 9,8 milhões de euros.

O relógio mais caro dessa série foi rematado por 806 mil euros, cinco vezes mais do que o preço inicial estimado.

Hoje, a leiloeira vai organizar uma venda importante de joias em Genebra, sendo que a peça principal é um diamante laranja, excecional por ser o maior do mundo nessa cor, por um valor estimado de 12,5 a 15 milhões de euros.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.