Açoriano Oriental
João Henriques quer vencer próximo jogo para ultrapassar Rio Ave

O treinador do Santa Clara, João Henriques, disse querer vencer o próximo encontro frente ao Rio Ave para dar "continuidade às vitórias" na I Liga e ultrapassar a equipa de Vila de Conde na classificação.

article.title

Foto: MANUEL FERNANDO ARAÙJO/LUSA
Autor: Lusa/AO Online

"Olhamos para a tabela classificativa e vemos que o Rio Ave nesta altura está com dois pontos a mais do que o Santa Clara. A importância deste jogo é isso mesmo: dar continuidade às vitorias, porque, como dissemos na semana anterior, era para quebrarmos um ciclo para iniciarmos um outro", afirmou o treinador da equipa açoriana, na antevisão ao encontro da 16.ª jornada da I Liga de Futebol, que irá decorrer no estádio de São Miguel, em Ponta Delgada.

Depois de sete jogos sem vencer no campeonato, os açorianos voltaram aos triunfos na jornada passada, com uma vitória por 1-0 na casa do Desportivo das Aves.

Após o último triunfo, João Henriques quer aproveitar a partida com o Rio Ave para consolidar um ciclo de jogos com "mais pontos e mais vitórias", de forma a atingir o objetivo da equipa de ficar na primeira metade da tabela classificativa.

"Pelo aquilo que sabemos estamos a dois pontos do Rio Ave e vencendo pelo menos o Rio Ave ultrapassaremos com toda a certeza. A nossa preocupação é essa", afirmou.

O treinador dos insulares disse esperar um jogo "difícil", até porque os ‘caxineiros' vêm de uma derrota no último jogo, frente ao Marítimo, por 1-0.

Sobre o próximo adversário, João Henriques destacou que se trata de uma equipa "bem trabalhada", "organizada", com "valores individuais" e "coletivamente forte".

Questionado sobre se o Santa Clara poderá beneficiar de alguma instabilidade no comando técnico do Rio Ave (Carlos Carvalhal pediu a demissão no final de dezembro, mas, entretanto, acabou por recuar na decisão), o técnico da formação açoriana preferiu realçar as qualidades do colega de profissão.

"São situações que não nos dizem muito respeito. Sabemos acima de tudo que o Carlos Carvalhal é um bom treinador, pessoa séria que vai, com certeza, enquanto estiver ao serviço do Rio Ave, fazer o seu trabalho de forma competente e séria", considerou.

João Henriques assinalou que o horário da partida, que será disputada ao final da tarde num dia de semana, "não é bom", "não traz mais gente ao estádio", nem "beneficia o espetáculo".

"Respeitamos, mas no meu ponto de vista, como treinador e amante do espetáculo que gosto de ver jogos ao vivo, o horário não é o melhor, não é de todo o melhor. Gostaríamos realmente que os nossos adeptos tivessem, apoiassem, ajudassem", assinalou.

Santa Clara, 14.º classificado, com 17 pontos, recebe o Rio Ave, sétimo, com 19, na próxima sexta-feira, às 18h00, em jogo a contar para a I Liga portuguesa de futebol.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.