Açoriano Oriental
IROA garante que abastecimento de água à agricultura é prioridade

O presidente do Instituto Regional de Ordenamento Agrário (IROA) garantiu esta terça-feira que o abastecimento de água à agricultura é uma prioridade nos Açores, depois de a CDU ter criticado a resposta do executivo açoriano às secas.

IROA garante que abastecimento de água à agricultura é prioridade

Autor: Lusa/AO online

“Estamos conscientes de que, apesar do muito que já foi feito ao nível das infraestruturas diretamente relacionadas com a captação e armazenamento de água nos Açores, é necessário continuar a investir, por estar em causa um elemento essencial ao reforço da competitividade e da eficiência de qualquer exploração agrícola” afirmou Ricardo Silva, citado em nota de imprensa.

A mesma nota refere que o presidente do IROA “garantiu hoje que o abastecimento de água à agricultura é e continuará a ser uma prioridade”, apontando para um investimento de 8,5 milhões de euros nesta legislatura “só em infraestruturas de captação e armazenamento de água nos Açores".

Estas declarações surgem depois de um grupo de trabalho da CDU, que visitou as ilhas do Pico e São Jorge, ter, na segunda-feira, afirmado que "as medidas até agora postas em prática por parte do Governo Regional são manifestamente insuficientes" na resposta à seca que se faz sentir nas duas ilhas.

Ricardo Silva lembrou que, do montante global de investimento referido, 1,3 milhões de euros dizem respeito a infraestruturas agrícolas relacionadas com água nas ilhas de São Jorge e do Pico.

O dirigente do IROA frisou que, “tanto em São Jorge como no Pico, tem havido um investimento contínuo em termos de melhoria do abastecimento e armazenamento de água”, salientando que “os investimentos realizados e ainda em curso foram devidamente articulados com as respetivas associações agrícolas de ilha e com a Federação Agrícola dos Açores”.

“A responsabilidade ao nível do abastecimento de água à pecuária tem de ter uma dimensão coletiva, envolvendo, além do Governo Regional, as câmaras municipais na procura de soluções em que o desenvolvimento económico do setor agrícola seja o resultado do esforço e da cooperação de várias entidades públicas”, considerou.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.