Açoriano Oriental
Investigadores criam catálogo de organismos oceânicos com 317 milhões de entradas

Investigadores da Universidade de Ciência e Tecnologia Rei Abdullah, da Arábia Saudita, compilaram o maior catálogo genético de organismos que vivem no Oceano, com 317 milhões de entradas.

Investigadores criam catálogo de organismos oceânicos com 317 milhões de entradas

Autor: Lusa

Denominado 'Kmap', o catálogo, publicado na revista Frontiers in Science e que será disponibilizado gratuitamente, resultou do trabalho de uma equipa liderada pela cientista italiana Elisa Laiolo e reúne 317 milhões de conjuntos de genes, que fazem um retrato da biodiversidade do Oceano, o maior habitat do planeta, e servirão como ferramenta para identificar substâncias importantes para o desenvolvimento de novos fármacos.

"O 'Kmap Global Ocean Gene Catalog 1.0' representa um passo no caminho para a compreensão global da diversidade biológica do Oceano", disse Elisa Laiolo, citada num comunicado da universidade sobre a investigação.

A compilação de dados que resultou no catálogo foi feita a partir da recolha de ADN presente no ambiente marinho em todo o mundo, em mais de 2.000 locais de amostragem e a várias profundidades, depois processado e catalogado com recurso a supercomputadores.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados