Ribeira Chã

Instabilidade de talude obriga a deslocar moradores

Instabilidade de talude obriga a deslocar moradores

 

Paula Gouveia   Regional   28 de Mai de 2010, 15:12

O risco que o talude existente na Rua de São José, na freguesia de Ribeira Chã, oferece vai obrigar o Governo Regional a deslocalizar os moradores das casas em perigo e a Câmara Municipal de Lagoa a declarar a Rua de São José como zona de risco, proibindo novas construções e ampliações de moradias.
Este Inverno, aumentou o risco em que se encontravam algumas das habitações da rua em questão.

 Como explica a autarquia, em nota de imprensa, trata-se de um talude composto por materiais de natureza desagregada, agravado pela sua elevada inclinação, observando-se, no local, zonas de instabilidade onde têm ocorrido ao longo do tempo vários deslizamentos.

A autarquia já solicitou um novo estudo ao Laboratório Regional de Engenharia Civil (LREC) sobre a zona, para actualizar o estudo de 2001, e recentemente promoveu uma reunião na sede da Junta de Freguesia da Ribeira Chã, onde estiveram presentes representantes dos moradores, da Junta de Freguesia, da Câmara da Lagoa e do Governo Regional, onde foi explicado às pessoas que a deslocalização dos moradores deverá ser feita por duas fases, sendo que o Governo Regional vai proceder a uma avaliação das habitações, desde que os respectivos proprietários o autorizem, para que as pessoas sejam indemnizadas e adquiram outras habitações.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.