Ilha de S. Miguel aumentou contributo para o PIB regional

Ilha de S. Miguel aumentou contributo para o PIB regional

 

Lusa/AO online   Regional   24 de Out de 2012, 15:22

A contribuição da ilha de S. Miguel, a mais populosa dos Açores, para o Produto Interno Bruto (PIB) regional aumentou de 55,6 para 59,6 por cento entre 1980 e 2007, revelou o Serviço Regional de Estatística (SREA).

Os dados divulgados pelo SREA indicam ainda que, naquele período, a ilha Terceira, que é a segunda mais populosa do arquipélago, registou uma quebra de peso na formação do PIB açoriano de 24,2 para 21,2 por cento.

O estudo realizado pelo Serviço Regional de Estatística, que tem por base cálculos do Instituto Nacional de Estatística, refere que o contributo da ilha do Faial para o PIB regional também recuou naquele período de 7,2 para 6,6 por cento, o mesmo acontecendo com S. Jorge, que caiu de 3,4 para 2,7 por cento.

A ilha do Pico registou uma diminuição de cinco para 4,8 por cento, enquanto a ilha das Flores caiu de 1,3 para 1,2 por cento.

Em sentido contrário, Santa Maria viu crescer o seu peso no PIB açoriano de 2,1 para 2,7 por cento, enquanto a Graciosa e o Corvo mantiveram em 2007 os valores apurados em 1980, respetivamente 1,1 e 0,1 por cento.

A desagregação do Produto Interno Bruto regional, segundo o SREA, foi feita através das Unidades de Atividade Económica Local (UAEL), calculadas com base na informação empresarial simplificada (IES) e nos principais indicadores estatísticos existentes para cada uma das nove ilhas do arquipélago.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.