Açoriano Oriental
Açores/Eleições
Governo Regional sem agenda pública na campanha
O presidente do Governo dos Açores, Vasco Cordeiro, deu orientações a todos os membros do executivo para a não realização de agenda pública durante o período da campanha eleitoral para as legislativas regionais.
article.title

Autor: Lusa/AO Online

 

Segundo uma nota de imprensa do Governo Regional, “no âmbito desta decisão, todos os secretários regionais, assim como os diretores regionais dos diversos departamentos governamentais, continuarão a desenvolver a sua atividade, sem eventos públicos, salvo circunstâncias excecionais ou imprevistas”.

A campanha eleitoral para as eleições regionais começou no domingo e termina no dia 14, sexta-feira. O sufrágio decorre no dia 16.

Para a votação deste dia estão inscritos cerca de 228 mil eleitores que vão escolher os 57 deputados à Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores para os próximos quatro anos.

De acordo com os resultados das eleições, o Representante da República nomeia depois o presidente do Governo Regional que, por sua vez, propõe os membros do executivo.

Treze forças políticas apresentam-se a votos, mas nem todas concorrem nos dez círculos eleitorais. Apenas aos círculos de São Miguel, que elege 20 deputados, e de compensação, que elege cinco, concorrem todas.

Nas últimas eleições regionais, realizadas a 14 de outubro de 2012, o PS venceu com maioria absoluta e elegeu 31 deputados, seguido do PSD, com 20 mandatos e CDS-PP com três. BE, CDU e PPM elegeram um parlamentar cada.

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.