Açoriano Oriental
Governo Regional garante “fazer tudo” para Açores atingirem metas de reciclagem da UE

O presidente do Governo dos Açores garantiu que o executivo está a “fazer tudo” o que está ao seu alcance para cumprir as metas de reciclagem da União Europeia (UE), reconhecendo que existem ilhas em “diferentes patamares”.

Governo Regional garante “fazer tudo” para Açores atingirem metas de reciclagem da UE

Autor: Lusa/AO Online

"Estamos, no que diz respeito a investimento público, a fazer tudo o que está ao nosso alcance para cumprirmos esses objetivos, que são objetivos de sustentabilidade. Os Açores, como sabem, são um arquipélago de sustentabilidade enquanto destino turístico”, afirmou José Manuel Bolieiro, em declarações aos jornalistas no final de uma visita ao Centro de Processamento de Resíduos da ilha de São Jorge.

Reconhecendo que existem ilhas em “diferentes patamares de reciclagem”, José Manuel Bolieiro elogiou o caso da ilha de São Jorge, que tem uma taxa de preparação para reutilização e reciclagem de 75%.

“São Jorge é hoje uma ilha limpa. Para mim é um enorme orgulho saudar os jorgenses por essa atitude e por este resultado. No que diz respeito aos objetivos e metas europeias de separação e elementos para reciclagem, nós estamos em São Jorge com 75%, 20 pontos percentuais acima da meta que a UE tem para 2025”, afirmou.

Por outro lado, reconheceu, é necessário um “esforço acrescido” nas ilhas de São Miguel e Terceira.

“As ilhas de São Miguel e Terceira têm de fazer um esforço acrescido. Estamos a trabalhar, na parte do governo com a decisiva colaboração das autarquias, para estes dois terem sucesso. O comportamento dos cidadãos para cumprir as metas [é fundamental]”, reforçou.

José Manuel Bolieiro lembrou ainda que o executivo prevê investir mais de um milhão de euros no Centro de Processamento de Resíduos da ilha de São Jorge entre este ano e 2025.

A 01 de maio foi anunciado que a recolha seletiva de resíduos em São Miguel, a maior ilha dos Açores, aumentou 5,7% em 2023, comparativamente com o ano anterior, enquanto a recolha indiferenciada diminuiu 6%.

De acordo com os últimos dados divulgados em junho de 2023, sete das nove ilhas dos Açores já estão acima da meta de 55% de reciclagem, estabelecida pela União Europeia para 2025.

Algumas ilhas já ultrapassaram até os 70%, mas as duas com mais população, Terceira e São Miguel, ainda estão longe da meta, com taxas de 19,5 e 28,5%, respetivamente.

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados