Governo esclarece custo das comunicações em 2008

Governo esclarece custo das comunicações em 2008

 

Lusa / AO Online   Regional   31 de Out de 2010, 10:55

O Governo Regional dos Açores assegurou que a relação custo/benefício das comunicações do executivo é “absolutamente regular” no quadro das exigências de comunicação entre as várias entidades da administração regional e entre estas e a população.

“O Governo dos Açores possui uma rede de comunicações de dados e voz reconhecida a nível nacional como uma infraestrutura exemplar e um caso de estudo”, refere uma nota da Secretaria Regional da Ciência, Tecnologia e Equipamentos.

Esta nota surge na sequência da divulgação dos dados de um relatório do Tribunal de Contas, que indicam que o executivo açoriano gastou em 2008 mais de 2,5 milhões de euros em comunicações de voz e dados, fixas e móveis.

Segundo aquela nota do executivo, “a rede de comunicações de voz e dados tem vindo a melhorar significativamente em termos de qualidade do serviço prestado e, simultaneamente, a ter menos custos”.

Nesse sentido, assegura que existe “uma atuação constante sobre a rede” para que os custos “sejam cada vez menores, sem por em causa a qualidade do serviço que se presta”.

O governo regional recorda que “é através desta rede que os cidadãos e entidades privadas e públicas acedem aos vários servidores do governo para consultar informação relevante”, salientando que serviços como a Rede Integrada de Apoio ao Cidadão, Protecção Civil, Portal do Governo, Jornal Oficial ou os Sistemas de Incentivos estão suportados nesta rede.

Os dados oficiais indicam que esta rede tem mais de cinco mil utilizadores internos, além de registar milhares de acessos externos.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.