Governo dos Açores atribui mais de 260 mil euros de incentivos ao desenvolvimento do artesanato

Governo dos Açores atribui mais de 260 mil euros de incentivos ao desenvolvimento do artesanato

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   27 de Jul de 2018, 17:33

O Executivo vai apoiar, no âmbito do Sistema de Incentivos ao Desenvolvimento do Artesanato dos Açores (SIDART), 145 projetos de todas as ilhas dos Açores, através dos incentivos disponibilizados pelo Governo dos Açores, no montante de 265 mil euros, representando um investimento global de 480 mil euros.

Este foi um anúncio feito pelo Vice-presidente do Governo, Sérgio Ávila, que citado em nota do Gacs, afirmou ser "mais uma iniciativa que pretende valorizar o nosso artesanato”,

Sérgio Ávila, que falava no final de uma visita ao Mercado Urbano de Artesanato (MUA) que se realiza no Pátio da Alfândega até dia 29 de julho, disse ainda que esta medida permite apoiar a atividade profissional dos artesãos e o desenvolvimento das suas empresas ao nível da comercialização, da formação e do investimento em estruturas e equipamentos.

 “O artesanato nos Açores, e particularmente na ilha Terceira, tem crescimento muito nos últimos anos, em quantidade e em qualidade. Tem aumentado muito significativamente o volume de vendas o que tem contribuído para a criação de rendimento, riqueza e de emprego”, salientou.

De acordo com Sérgio Ávila, o Governo dos Açores tem vindo a “reforçar os apoios ao artesanato”, sendo que no último ano, o Executivo apoiou 142 projetos de Unidades Produtivas Artesanais das mais diversas áreas, num valor comparticipado de mais de 240 mil euros.

É um esforço significativo que fazemos, no âmbito do Sistema de Incentivos ao Desenvolvimento do Artesanato de forma que os que nossos artesãos possam ter cada vez maior capacidade de produção e de qualificação”, frisou.

Estes projetos, candidatados aos apoios previstos no SIDART para este ano, abrangem áreas como a formação artesanal, dinamização do setor, investimento das Unidades Produtivas Artesanais (UPA) e qualificação e inovação do produto artesanal.

 Atualmente, estão registados mais de 561 artesãos nos Açores, o que representa um aumento de 56% relativamente a 2012, altura em que existiam 359 empresas artesanais no arquipélago.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.