Governo do Quirguistão demite-se devido a reforma introduzida pelo presidente


 

Lusa / AO online   Internacional   20 de Out de 2009, 12:30

O governo do Quirguistão demitiu-se hoje no âmbito de uma vasta reforma político-administrativa lançada pelo Presidente desta república ex-sociética da Ásia central, Kurmanbek Bakiev, anunciou um porta-voz do governo.
“Os ministros em conjunto demitiram-se hoje devido à reforma do funcionamento político-administrativo do Estado anunciada hoje pelo Presidente Bakiev”, declarou o porta-voz, Marat Kadyraliev.

O governo, dirigido pelo primeiro-ministro Igor Tchudinov, estava em funções desde Dezembro de 2007.

O partido no poder Ak-Jol deve examinar a partir de hoje a candidatura de um novo primeiro-ministro para que este seja aprovado na quarta-feira no parlamento, indicou um porta-voz da presidência do Quirguistão.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.