Francisco Ramos escolheu Santa Clara para sair da zona de conforto

Francisco Ramos escolheu Santa Clara para sair da zona de conforto

 

Lusa/AO Online   Futebol   1 de Fev de 2019, 18:30

O médio Francisco Ramos, recém-chegado ao Santa Clara por empréstimo do Vitória de Guimarães, da I Liga de futebol, adiantou, em conferência de imprensa, que escolheu a formação açoriana, em detrimento de "outras situações" para "sair da zona de conforto".


"A verdade é que houve mais situações que poderia ter aceitado, mas a vontade e o desejo de me quererem cá, isso talvez tenha pesado mais, e a forma como o mister e a equipa joga fez com que eu me identificasse mais de acordo com as minhas características e abraçar um desafio, sair um pouco do Continente, da minha zona de conforto e lutar para conquistar os açorianos", afirmou Francisco Ramos.

O atleta de 23 anos que passou pelos escalões de formação, equipa B e equipa principal do FC Porto, antes de ser transferido para o Vitória de Guimarães na época 2017/2018, equaciona regressar aos vitorianos na próxima época "mais forte".

"Saí do Porto para o Vitória, foi uma decisão boa, no ano passado acabei por fazer 24 jogos, na Liga Europa, no campeonato e a verdade é que este ano o Vitória tem um bom plantel, com bons jogadores, um plantel muito competitivo entre nós e as opções recaíram para outro lado e resta-me agora desfrutar também e aproveitar esta oportunidade para quem sabe para o ano voltar mais forte", disse.

Por enquanto, o médio está apenas focado em ajudar o Santa Clara a conseguir a manutenção na I Liga Portuguesa de Futebol.

"É um orgulho representar uma Região como a dos Açores, é uma nova oportunidade para mim, estou focado nesta etapa, estou focado no objetivo do clube. Fui muito bem recebido quer por pessoas do clube, quer por pessoas fora do clube, agradecer também aos açorianos essa parte e dizer que estamos e estou focado no objetivo do Santa Clara", sublinhou.

Questionado pelos jornalistas acerca de não competir desde o passado dia 11 de março, Francisco Ramos garante que está no Santa Clara para "acrescentar algo".

"O meu dia a dia é sempre no máximo, eu treino como jogo, por isso sinto-me disponível para ser algo mais aqui e é para isso que eu vim, normalmente os reforços são para acrescentar e é isso que eu vou tentar fazer, acrescentar algo, fazer o que o mister indicar e tentar ajudar ao máximo o Santa Clara a conseguir os objetivos", garantiu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.