Famalicão veio aos Açores derrotar o Santa Clara por 0-2

Famalicão veio aos Açores derrotar o Santa Clara por 0-2

 

AO Online/ Lusa   Futebol   10 de Ago de 2019, 19:31

O Famalicão veio aos Açores este sábado derrotar o Santa Clara por 2-0, num jogo bem conseguido no regresso dos minhotos à I Liga portuguesa de futebol.

Apesar da entrada pressionante do Santa Clara, foi o Famalicão que inaugurou o marcador aos cinco minutos, através de Toni Martinez, que aproveitou uma falha flagrante de João Lucas, defesa dos açorianos, para se isolar frente a Marco e fazer o primeiro golo da época no regresso do Famalicão à primeira liga 25 anos depois.

O Santa Clara reagiu e, aos sete minutos, Schetinne, isolado frente a Defendi, permitiu uma grande defesa ao guardião dos minhotos.

Em vantagem no mercador, o Famalicão assumiu o domínio no encontro, passando a trocar a bola no meio campo do adversário. Aos 27 minutos, a equipa famalicense podia ter ampliado a vantagem, mas Fábio Martins cabeceou por cima.

Ainda assim, o Santa Clara, em contra-ataque, dispôs de duas boas oportunidades para igualar o marcador. Primeiro aos 31 minutos num remate ao lado de Bruno Lamas após confusão na área, e aos 42 minutos foi a vez de Defendi tirar o golo a Guilherme Schettine.

Mesmo em cima do intervalo, a equipa do Famalicão respondeu e Guga, por duas vezes, esteve perto do golo. Primeiro, aos 45 minutos, depois de uma boa jogada individual, rematou para uma excelente defesa de Marco. Um minuto depois (45+1), o número 6 dos minhotos atirou do ‘meio da rua’ com a bola a passar a centímetros do poste.

A segunda parte começou com uma grande oportunidade para o Famalicão aumentar a vantagem, com Marco a defender com os pés e a evitar o golo de Lameiras aos 46 minutos.

Ao longo da segunda parte, os açorianos assumiram a ‘despesa' do jogo, procurando chegar ao golo, mas encontrando um adversário muito organizado defensivamente.

Ainda assim, o Santa Clara dispôs de oportunidades para fazer golo. Aos 66 minutos, Schettine de livre direto atirou para uma boa defesa de Fendi. Aos 70 minutos chegou-se mesmo a gritar golo no Estádio de São Miguel, mas Schettine atirou à malha lateral.

Aos 75 minutos, o ‘balde de água fria' juntou-se à chuva em Ponta Delgada. Anderson, acabado de entrar, ampliou a vantagem para o Famalicão.

O Santa Clara tentou reagir, mas Santana (aos 79 e aos 89), Fábio Cardoso (aos 86) desperdiçaram ótimas oportunidades de golo.

A última oportunidade de golo pertenceu, ainda assim ao Famalicão, já em período de desconto. Primeiro, Marco defendeu o remate de Anderson e Pedro Gonçalves na recarga não acertou nas redes açorianas.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.