Açoriano Oriental
"Falta lei para definir poder da Autoridade de Saúde" é a manchete do Açoriano Oriental

A falta de uma Lei da Assembleia da República que defina os limites da intervenção das autoridades de saúde para conter a pandemia de Covid-19 e a posição sobre esta matéria do Bastonário da Ordem dos Advogados, estão em destaque no Açoriano Oriental de domingo, 23 de agosto de 2020.

"Falta lei para definir poder da Autoridade de Saúde" é a manchete do Açoriano Oriental

Autor: AO online

O destaque fotográfico do jornal vai para os hotéis em São Miguel, cuja ocupação ronda em média os 30 a 40%, apesar de estarmos em agosto, o principal mês do turismo.

'Eleições regionais marcadas para 25 de outubro' e 'Cancelamento do Azores Rallye pode estar por horas' são outros destaques do jornal.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.