Açoriano Oriental
Escolas criticam reorganização curricular proposta pelo Governo

Aspetos como a falta de envolvimento das escolas na sua elaboração, a pressa na sua aplicação e a impossibilidade de aumentar pessoal são criticados pela maioria das assembleias de escola que enviaram parecer.

article.title

Foto: Ann- Kathrin Rehse
Autor: Paula Gouveia

As Assembleias de Escola que enviaram parecer ao parlamento açoriano sobre a proposta de lei, apresentada pelo Governo dos Açores, para a reorganização curricular na Educação Básica apontam várias críticas ao diploma que será votado, em plenário, esta semana.

Um dos aspetos negativos apontados pelas escolas está relacionado com o próprio processo de elaboração da proposta que não envolveu a comunidade educativa.



Pode ler a reportagem completa na edição desta segunda-feira, 3 de junho 2019, do jornal Açoriano Oriental



Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.