Durão Barroso quer FEEF já e novo mecanismo antecipado para 2012

Durão Barroso quer FEEF já e novo mecanismo antecipado para 2012

 

Lusa/AO online   Internacional   12 de Out de 2011, 15:50

O presidente da Comissão Europeia voltou hoje a exortar a Eslováquia a aprovar o quanto antes o reforço e flexibilização do fundo europeu de estabilização financeira (FEEF) e sugeriu a antecipação para 2012 do futuro mecanismo permanente

Falando perante o Parlamento Europeu, em Bruxelas, na apresentação do seu “roteiro para a estabilidade e o crescimento”, José Manuel Durão Barroso disse que um fundo europeu “reforçado e mais flexível”, como decidido a 21 de julho pelos líderes da Zona Euro, é vital e no imediato.

“É do interesse de todos os países da Zona Euro, incluindo, estou certo, do povo eslovaco”, apontou, reiterando o seu apelo aos partidos políticos da Eslováquia com vista a uma “rápida adoção” do acordo, que ainda precisa da ratificação por Bratislava para entrar em vigor.

Por outro lado, o presidente do executivo comunitário propôs que o novo fundo de resgate permanente, o Mecanismo Europeu de Estabilidade, entre em vigor em meados de 2012, em vez de se esperar por 2013, como inicialmente previsto.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.