Açoriano Oriental
Duas funcionárias do Fundo Regional de Apoio à Coesão e ao Desenvolvimento Económico detidas por indício de peculato
Na sequência de uma auditoria interna mandada instaurar, em 2016, pelo Conselho Diretivo do Fundo Regional de Apoio à Coesão e ao Desenvolvimento Económico, organismo público sob tutela da Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas, a vários processos administrativos, contabilísticos e financeiros foram detetadas irregularidades que podem configurar a prática de ilícitos criminais.
Duas funcionárias do Fundo Regional de Apoio à Coesão e ao Desenvolvimento Económico detidas por indício de peculato

Autor: AO Online/Gacs

Face ao resultado dessa auditoria, foi apresentada queixa junto da Polícia Judiciária.

Na sequência da participação apresentada e das diligências das autoridades judiciais, e face ao indício de peculato, duas funcionárias da Secção Administrativa e Financeira deste Fundo foram segunda-feira detidas para interrogatório e demais averiguações que venham a ser consideradas necessárias pelas autoridades competentes.

Segundo as orientações recebidas da tutela, o Conselho Diretivo do Fundo Regional de Apoio à Coesão e ao Desenvolvimento Económico acompanhará o processo em curso, no sentido de também acautelar os interesses deste organismo e da Região.
          
 

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.