Furacão Lorenzo

"Destruição do molhe do porto das Lajes das Flores é uma preocupação"

"Destruição do molhe do porto das Lajes das Flores é uma preocupação"

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   2 de Out de 2019, 12:14

Rui Noía, habitante em Santa Cruz das Flores, diz que a noite da passagem do furacão Lorenzo foi muito complicada e que a população está preocupada devido à destruição do molhe do Porto das Lajes.

Rui Noía, habitante em Santa Cruz das Flores, diz que a noite da passagem do furacão Lorenzo foi muito complicada e que o pior foi a partir das 3 horas da manhã.


Ao AO Online, Rui Noía disse que “a noite foi complicada e o pior foi mesmo partir das 3 horas da manhã porque o vento foi muito forte, mas a chuva acabou por ser muito pouca. Por volta das 5 da manhã a luz faltou. Neste momento, o vento já abrandou um pouco”.

Rui Noia falou ainda da destruição do molhe do porto das Lajes das Flores e diz ser uma preocupação: “Há embarcações que foram destruídas e os contentores também. Agora o problema será como abastecer a ilha e estamos muito preocupados”.


Em termos de prejuízos pessoais, diz ter algumas árvores de fruto que estão destruídas.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.