EUA

Desarticulada conspiração para assassinar Obama

Desarticulada conspiração para assassinar Obama

 

Lusa / AO online   Internacional   27 de Out de 2008, 21:06

Agentes norte-americanos desarticularam um plano para assassinar o candidato presidencial Barack Obama e alvejar a tiro ou decapitar 102 negros no Estado do Tennessee, revelaram fontes judiciais.
De acordo com autos hoje revelados em tribunal, agentes federais disseram ter frustrado planos para o roubo a um armeiro e para um ataque a um liceu frequentado por afro-americanos a perpetrar por dois neo-nazis. Os agentes disseram que os conspiradores não identificaram a escola.

    Jim Cavanaugh, agente especial do Gabinete de Nashville para o Álcool, Tabaco, Armas de Fogo e Explosivos, disse que os dois homens planeavam matar 88 negros e decapitar outros 14.

    Os números 84 e 14 são simbólicos para a comunidade que defende a supremacia branca.

    Os homens pensavam levar a cabo execuções a nível nacional, tendo Obama como alvo final, disse Cavanaugh à Agência Associated Press.

    "Disseram que isso seria o seu último acto, o final, matar o senador Obama", disse Cavanaugh.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.