Continente em alerta amarelo devido ao mau tempo

Continente em alerta amarelo devido ao mau tempo

 

Lusa/AO Online   Nacional   24 de Dez de 2013, 06:11

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) emitiu esta terça-feira o alerta amarelo para todos os distritos do continente entre as 08h00 e as 20h00 do dia de Natal devido à previsão de mau tempo.

 

"Face à presente previsão, a ANPC eleva o Estado de Alerta Especial, no nível amarelo, do Sistema Integrado de Operações de Socorro para o Dispositivo Integrado de Operações de Proteção e Socorro para todos os distritos entre as 08h00 de 24 de dezembro e as 20h00 de 25 de dezembro", lê-se num aviso à população divulgado.

A elevação do estado de alerta para o nível amarelo "pressupõe um incremento da monitorização e a intensificação, por parte do dispositivo de resposta, de ações preparatórias para eventuais intervenções".

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê um agravamento do estado do tempo, com "precipitação localmente excessiva, em especial nas regiões do litoral norte e centro", na terça-feira, passando a regime de aguaceiros que poderão ser de granizo no dia 25 de dezembro, e em forma de neve à cota acima dos mil metros no Gerês, Montesinho e serra da Estrela.

O IPMA prevê também vento forte (70 quilómetros por hora), de sudoeste e oeste, com rajadas que poderão atingir os cem quilómetros por hora, e agitação marítima forte, com ondulação entre cinco e sete metros de noroeste, na costa oeste.

Perante o agravamento da situação meteorológica, a Proteção Civil, recomenda a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas, que se adote uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com possíveis lençóis de água e gelo nas estradas, uso de correntes de neve, sempre que se circular nas áreas atingidas pela queda de neve.

É também recomendado cuidado com zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas, fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, ‘placards’ e outras estruturas suspensas, especial precaução na circulação junto de áreas arborizadas, bem como junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a inundações rápidas.

A ANPC aconselha ainda a não se praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos na orla marítima, e atenção às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Além no nível amarelo emitido pela ANPC para o seu dispositivo de resposta, o IPMA colocou quinze distritos de Portugal continental sob aviso laranja devido à chuva forte, vento, queda de neve ou agitação marítima, na terça e quarta-feira.

Com o segundo aviso mais grave de uma escala de quatro, devido à chuva forte, vão estar Bragança, Viseu, Porto, Guarda, Vila Real, Viana do Castelo, Castelo Branco, Aveiro, Coimbra e Braga. Na sua maioria, este aviso laranja está ativo entre as 09h00 e as 21h00 da véspera de Natal.

Para o dia de Natal, o IPMA lançou aviso laranja devido à queda de neve abaixo da cota dos mil metros para Bragança, Viseu, Guarda, Vila Real, Viana do Castelo, Castelo Branco, Coimbra e Braga.

O aviso laranja devido a ondas de 05 a 07 metros está em vigor entre as 06h00 de terça e as 12h00 quinta-feira nos distritos do Porto, Aveiro, Braga e Coimbra, Faro, Lisboa, Leiria, Beja e Setúbal, IPMA.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.