Congressista republicano detido por posse de cocaína


 

Lusa/AO online   Internacional   20 de Nov de 2013, 10:21

O congressista republicano eleito pelo Estado da Florida, Trey Radel, foi detido por posse de cocaína, conforme documentos judiciais revelados na terça-feira.

Documentação preenchida num tribunal de Washington revela que Radel, de 37 anos, no seu primeiro mandato como congressista, vai ser acusado hoje de posse de uma substância controlada.

Radel emitiu uma declaração onde afirmou que “lamentava profundamente ter dececionado a [minha] família (…) e o povo do Sudoeste da Florida”, sem mencionar a cocaína.

“Lutei com a doença do alcoolismo e isso conduziu-me a uma escolha extremamente irresponsável”, acrescentou.

“Estou desapontado comigo próprio e estou pronto para enfrentar as consequências das minhas ações”, disse o congressista, que enfrenta uma pena máxima de 180 dias na prisão e/ou uma multa de mil dólares, conforme informações divulgadas a partir do gabinete do procurador.

Radel foi repórter televisivo, animador de rádio e proprietário de jornal. Foi eleito para o Congresso em 2012, graças em grande parte ao apoio do movimento conservador do Tea Party.

Um porta-voz do presidente da Câmara dos Representantes, o republicano John Boehner, considerou que o assunto era “entre o Representante Radel, a sua família e os seus eleitores”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.