Alimentação

Comportamentos poucos saudáveis persistem

Comportamentos poucos saudáveis persistem

 

João Alberto Medeiros   Regional   17 de Out de 2010, 16:56

O gestor do Programa Regional de Prevenção e Controlo da Diabetes e Luta Contra a Obesidade lamenta em Dia Mundial da Alimentação que os comportamentos pouco se tenham alterado.

Rui César refere em declarações à rádio Açores/TSF que a carência em alguns nutrientes, excesso de gordura, sal e açúcar continuam a ser uma realidade.E a propósito da efeméride declara que “nunca é de mais poder sensibilizar as pessoas e toda a população para estes problemas”.

 

“Incrivelmente, apesar de toda a sensibilização, exceptuando o colesterol, a hipertensão arterial aumentou, bem como a obesidade e a diabetes” - lamenta o médico. Rui César acentua que “os hábitos alimentares não melhoraram nada” e que “as pessoas continuam na sua maioria a ter pouco entusiasmo pela actividade física”.

 

 

Leia esta notícia na íntegra da edição de 17 de Outubro do jornal Açoriano Oriental


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.