Açoriano Oriental
Cinema com menos sessões, espetadores e receitas de bilheteira em 2013
O cinema sofreu em 2013 uma quebra de 9,2% de espetadores, teve menos 12,1% sessões e desceu 11,4% nas receitas de bilheteira, indicam os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Autor: Lusa/AO Online

 

Estes resultados foram apurados com base nos dados enviados pelos recintos de cinema do país ao Instituto do Cinema, Audiovisual (ICA), de acordo com o projeto de informatização das bilheteiras.

Nestes recintos foram exibidos 1.042 filmes (dos quais 348 em estreia), tendo-se realizado 558.161 sessões de cinema, com um total de 12,5 milhões de espetadores e 65,5 milhões de euros de receitas de bilheteira.

Ao todo, o INE analisou dados enviados por 158 recintos de cinema, correspondendo a 554 écrans e 105.364 lugares.

De acordo com o documento do INE sobre estatísticas da cultura, o número de espetadores de cinema tem vindo a apresentar uma tendência decrescente desde 2002, ano em que foram registados 19,5 milhões de espetadores.

Só nos últimos dois anos registaram-se menos 3,2 milhões de espetadores nos recintos de cinema: menos 1,3 milhões em 2013 e menos 1,9 milhões no ano anterior.

Quanto às receitas de bilheteira, o INE aponta que após uma tendência crescente até 2010, ano em que se verificou o maior valor desses anos (82,2 milhões de euros), a tendência inverteu-se, passando a registar-se valores decrescentes nos três anos seguintes.

No entanto a receita por espetador de cinema tem vindo a aumentar, exceto em 2013: 3,8 euros em 2002; cinco euros em 2010; 5,4 euros em 2012 e 5,2 euros no ano passado.

Por regiões, foi em Lisboa que se realizou o maior número de sessões (44% do total), concentrando 47,5% de espetadores, e 49,6% das receitas de bilheteira.

A região Norte registou 29,1% do total de sessões, 30,9% de espetadores e 28,8% das receitas, seguida pela região Centro com 17,2% das sessões e 14% de espetadores, e das receitas de bilheteira.

Do total de filmes exibidos, 25,4% eram filmes norte-americanos, concentrando 61,6% das sessões, 63,2% de espetadores e 63,5% do total das receitas de bilheteira.

As coproduções corresponderam a 31,8% dos filmes exibidos, 21,5% das sessões e a 19% de espetadores e das receitas.

À exibição dos 357 filmes europeus em 15,1% das sessões corresponderam 16% do total de espetadores e das receitas de bilheteira.

Os 122 filmes portugueses (11,7% do total) foram exibidos em 2,3% das sessões, tendo registado cerca de três por cento de espetadores e das receitas de bilheteira.

Nos filmes dos países europeus, destacaram-se os de origem francesa que representaram sete por cento dos filmes exibidos, de espetadores e das receitas totais.

Por trimestre, indica o INE, foi no terceiro que se registou o maior número de sessões (27,4%), de espetadores e de receitas (30%).

O segundo trimestre de 2013 registou menor movimento, com 22,6% das sessões e 21% de espetadores e receitas de bilheteira.

 

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.