Açoriano Oriental
Casa dos Manaias volta a expor presépio de natal em Ponta Delgada

Os utentes da 'Casa dos Manaias' não deixaram cair a tradição e, pelo terceiro ano consecutivo, voltaram a criar um presépio de natal que pode ser contemplado na antiga loja 'Zoom' da rua Machado dos Santos, em Ponta Delgada.


Autor: Miguel Bettencourt Mota

No presépio constam 21 casas, nove das quais construídas com contraplacado marítimo e doze com cartão e casca de pinheiro, imitando pedra, dois moinhos, uma cascata, quatro piões de milho, três fontanários e quatro carroças.

Há ainda 135 figuras decorativas a embelezá-lo e representando profissões como as do talhante, peixeiro, jardineiro, moleiro, padeiro, serralheiro, ferreiro, pastor, guardador de rebanhos, amarrador de ferro, e outras.

O presépio da “Casa dos Manaias” é igualmente constituído por duas aldeias que representam as tradições da nossa ilha, nomeadamente, a matança do porco, as vindimas, as tradicionais festas do Espírito Santo (representadas com um teatro e os foliões), bem como o culto da filarmonia e do folclore.

De acordo com uma nota de imprensa da Câmara Municipal de Ponta Delgada, foram usados os mais variados materiais na construção do presépio: tintas, esferovite, troncos e cascas de árvore, canas, palha, folha de milho, grão de milho, cascalho, musgo e farelo, estão entre os exemplos.

O presépio estará em exposição até ao dia 6 de janeiro de 2018, podendo ser visitado entre as 10h00 e as 19h00. Excepção feita ao Dia das Montras, em que poderá ser admirado pelo público até à meia-noite.  

O projeto de inclusão social da “Casa dos Manaias” tem como principal objetivo a intervenção junto da população em risco ou sem abrigo do centro histórico de Ponta Delgada. 

 

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.