Candidato a líder do PSD/Açores promete apresentar moção de censura se vencer eleições internas

Candidato a líder do PSD/Açores promete apresentar moção de censura se vencer eleições internas

 

Lusa/AO Online   Regional   26 de Jul de 2018, 14:28

O candidato à liderança do PSD/Açores Pedro Nascimento Cabral prometeu esta quinta-feira apresentar uma moção de censura ao Governo Regional se vencer as eleições internas, num encontro com Rui Rio em que apontaram como meta vencer as regionais de 2020.

Pedro Nascimento Cabral é, até agora, o único candidato à liderança do PSD/Açores, em eleições internas marcadas para 29 de setembro, depois de Duarte Freitas, que presidia a esta estrutura desde 2012, ter anunciado que não se recandidataria.

“Mal ganhe as eleições no PSD/Açores, a primeira coisa que me proponho fazer de imediato é apresentar uma moção de censura na Assembleia Legislativa Regional dos Açores para censurar a política do Governo socialista, que tem trazido aos Açores uma situação absolutamente catastrófica em setores essenciais como a saúde, a educação ou os transportes”, anunciou o candidato, no final de um encontro de cerca de uma hora com o presidente do PSD, Rui Rio, na sede nacional, em Lisboa.

Segundo Pedro Nascimento Cabral, a moção de censura terá também um pendor construtivo, apresentando um conjunto de medidas alternativas que resultarão da sua moção global de estratégia.

Como objetivo da sua candidatura, Pedro Nascimento Cabrial apontou o fim de “24 anos de governação socialista” na Região Autónoma dos Açores, meta que tinha também sido apontada por Rui Rio, que falou de “um novo ciclo” no arquipélago.

“Já há tempo suficiente de ‘desgoverno’ do PS nos Açores, por contraposição com o tempo em que o PSD, sob a liderança de Mota Amaral, desenvolveu fortemente a Região Autónoma. O que queremos no PSD é que estejamos em condições de vencer as regionais e voltar a governar os Açores”, apontou.

Rui Rio agradeceu aos órgãos regionais que cessam funções, em particular a Duarte Freitas, e manifestou disponibilidade para receber outros candidatos que se apresentem à liderança do PSD/Açores.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.