Economia

Bruxelas exige recuperação de 400 mil euros em seguros de crédito concedidos a PME


 

Lusa/AO online   Economia   23 de Nov de 2011, 10:44

   A Comissão Europeia considerou ilegal o auxílio estatal que Portugal concedeu a Pequenas e Médias Empresas (PME) através de um regime de seguro de crédito à exportação, exigindo por isso que Lisboa recupere as verbas junto dos beneficiários.
Em causa está uma linha de apoio ao crédito comercial das PME, que vigorou entre o início de 2009 e o final de 2010, e que de acordo com as autoridades portuguesas abrangeu cerca de 400 empresas, que terão beneficiado, cada, em cerca de 1000 euros com a diferença estimada entre o prémio cobrado e o preço de mercado, sendo por isso à partida uma verba a rondar os 400 mil euros que Portugal deve recuperar.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.