Bobby Robson admite possível fim da carreira

 Bobby Robson admite possível fim da carreira

 

Lusa / AO online   Futebol   16 de Nov de 2007, 17:03

O inglês Bobby Robson, antigo treinador do Sporting e do FC Porto, admitiu que há poucas hipóteses de voltar a orientar uma equipa de futebol, em declarações à estação de televisão britânica Sky Sports.
“Continuo a ter a minha consciência e o meu entusiasmo, mas há hipóteses de não voltar ao terreno”, referiu o técnico, de 75 anos, que foi, recentemente, operado a um tumor no cérebro.

Bobby Robson, que deixará sábado o lugar de conselheiro da selecção irlandesa, tinha sido encarregado de ajudar o estreante técnico, Steve Staunton, que foi demitido depois da Irlanda ter falhado a qualificação para o Euro2008.

“No dia em que assinei, era um homem em forma, possante, dotado de todas as minhas faculdades. Sentia-me como Tarzan. (...) Mas a minha saúde conheceu um revés, com um pequeno tumor, que foi necessário retirar. Saí um pouco incapacitado e não estou em condições de voltar ao terreno”, referiu.

Contudo, o antigo seleccionador inglês, que dirigiu a equipa nos Mundiais de 1986 e 1990, revelou que adorou os dois últimos anos e que gostava de estar em condições de levar mais longe a sua tarefa.

Bobby Robson foi bicampeão português ao serviço do FC Porto, em 1994/95 e 1995/96, depois de ter passado pelo Sporting na época anterior, que não terminou, tendo sido despedido numa altura em que liderava o campeonato.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.