Liga Zon Sagres

Benfica isola-se no segundo lugar

Benfica isola-se no segundo lugar

 

Lusa/AOnline   Futebol   28 de Nov de 2010, 18:59

O Benfica venceu o Beira-Mar por 3-1 e isolou-se na segunda posição, ganhando pontos face ao líder FC Porto, em partida da 12ª jornada da Liga de futebol, disputada no Estádio Municipal de Aveiro.

O primeiro sinal de perigo da equipa da Luz aconteceu aos 13 minutos, com um remate portentoso de Saviola, a embater na barra da baliza defendida por Rui Rego.

Um minuto depois, os benfiquistas reclamaram grande penalidade, que Bruno Paixão não marcou, numa jogada em que a bola bate no braço do defesa Pedro Moreira, depois de uma defesa do guarda redes Rui Rego.

Ao minuto 24, numa jogada de Carlos Martins, Cardozo ganha posição, mas o defesa central Hugo evita o remate do avançado, cortando o lance de forma exemplar.

O Beira-Mar, proporcionando uma noite tranquila ao guarda-redes Roberto, que não quase não teve trabalho, excepção feita a um remate de Renan, aos 35 minutos, que o guardião segurou, sem esforço.

O golo dos encarnados surge a terminar o primeiro tempo (45+2), com o central Kanu a puxar a camisola de Cardozo dentro da área, originando a grande penalidade que o paraguaio converteu com classe.

A segunda parte trouxe mais dois golos para a formação das águias, que ampliaram a vantagem e garantiram os três pontos, apesar de o Beira-Mar ter entrado mais irrequieto.

Aos 59 minutos, Cardozo conseguiu o segundo tento, com um remate colocado, que não deu hipóteses ao guardião dos aveirenses Rui Rego e, aos 66, Saviola materializou o terceiro, servido na perfeição pelo paraguaio.

O Beira-Mar não desistiu e foi subindo no terreno, chegando ao golo na conversão de um livre apontado por Renan, com Rui Varela, de cabeça, a reduzir aos 85 minutos.

Os aveirenses chegaram mesmo a introduzir a bola mais uma vez na baliza de Roberto, aos 90 minutos, mas o lance foi bem anulado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.