Autarquia de Ponta Delgada atribui 53 mil euros aos bombeiros para viatura

Autarquia de Ponta Delgada atribui 53 mil euros aos bombeiros para viatura

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   17 de Dez de 2018, 17:40

A Câmara Municipal de Ponta Delgada vai financiar, na totalidade, a aquisição de uma ambulância de transporte de doentes não urgentes pela Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada.



Como tal, foi assinado, na tarde desta segunda-feira, o protocolo de cooperação entre o município de Ponta Delgada e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada. O município presidido por José Manuel Bolieiro vai atribuir à AHBVPD cinquenta e três mil euros, o valor total da viatura, adianta nota de imprensa.


Na assinatura do protocolo, o presidente da câmara reafirmou a importância de dotar esta associação humanitária dos meios necessários para o cumprimento das suas atividades e da sua missão.


De acordo com a nota, José Manuel Bolieiro enalteceu a prática regular de cooperação e diálogo concertado entre o município e a AHBVPD, patentes no protocolo firmado esta segunda-feira, no apoio logístico pontual, bem como no protocolo assinado anualmente, que tem sido atualizado, sendo que, em dois anos, a Câmara praticamente duplicou o apoio. Em 2018 o apoio foi de 130 mil euros, verba destinada ao pagamento dos custos inerentes aos seguros de acidentes pessoais dos bombeiros profissionais e voluntários e à comparticipação nos custos de execução e manutenção de atividades de interesse municipal promovidas pela Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada, designadamente no domínio da saúde, proteção civil e segurança.


O edil anunciou ainda que a cooperação será reforçada em breve, através da criação de sinergias com a Proteção Civil Municipal.


O autarca louvou o vasto trabalho desenvolvido pelos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada em prol da sociedade civil, muito do qual resultado da prática de voluntariado, e felicitou a direção pela boa gestão efetuada nos últimos anos.


Por seu turno, o presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada, Alberto Leça, agradeceu a confiança do município de Ponta Delgada e de José Manuel Bolieiro na instituição a que preside, salientando que o seu objetivo é dotar a mesma de “estabilidade”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.