Audição do presidente da CGD aprovada por unanimidade


 

Lusa/AO Online   Economia   21 de Dez de 2009, 19:13

 O Parlamento aprovou hoje por unanimidade a audição do presidente da Caixa Geral de Depósitos, Faria de Oliveira, na comissão de Orçamento e Finanças, para esclarecer “qual o custo da operação do BPN aos contribuintes”.

O requerimento foi apresentado pelo CDS-PP e aprovado hoje por unanimidade na comissão parlamentar de Orçamento e Finanças.

Em declarações aos jornalistas no Parlamento, a deputada democrata-cristã Assunção Cristas disse que o CDS-PP pretende questionar Faria de Oliveira sobre “os desenvolvimentos dos novos empréstimos feitos pela CGD ao Banco Português de Negócios”.

“Sobretudo para tentar que nos responda a uma pergunta que o ministro [das Finanças] não tem conseguido responder que é quanto desses empréstimos é que a CGD supõe que vá conseguir reaver”, afirmou, acrescentando que essa informação “é determinante para saber qual o custo de toda a operação do BPN para os contribuintes”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.