Taça de Portugal

Arouca e Gil Vicente afastam "grandes" Marítimo e Rio Ave

 Arouca e Gil Vicente afastam "grandes" Marítimo e Rio Ave

 

Lusa/AOonline   Futebol   19 de Out de 2008, 19:31

As vitórias de Arouca sobre Marítimo, no desempate por penaltis, e Gil Vicente sobre Rio Ave, após prolongamento, foram este domingo as excepções no confronto entre "grandes" e "pequenos", na terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol.
Numa ronda sem confrontos entre primodivisionários, o afastamento dos "verde-rubros" da competição, aos pés da equipa da II Divisão, por 3-1 nas grandes penalidade, depois de um nulo durante o tempo regulamentar, constitui a maior "surpresa" na eliminatória, à qual sobreviveu a maioria das equipas da Liga.

    Por conhecer está ainda o destino do Benfica, que recebe o Penafiel, da II Divisão, em jogo marcado para as 20:30, no Estádio da Luz.

    Depois da tendência "imposta", sábado, por FC Porto e Sporting, ao afastarem, respectivamente, o Sertanense e a União de Leiria, além do Marítimo, destoou também o Rio Ave, afastado pelo Gil Vicente, da Liga de Honra, com o resultado de 3-2, após prolongamento.

    Em Matosinhos, o Caniçal impôs um empate (1-1) durante os 90 minutos ao Leixões, que fes valer a melhor condição física e se superiorizou no prolongamento para vencer por 4-1.

    Académica, Belenenses, Vitória de Setúbal, Paços Ferreira, Vitória Guimarães e Sporting Braga cumpriram a "obrigação" e eliminaram Torreense (2-0), Amares (3-0), Ribeirão (1-0), Rebordosa (3-0), União de Lamas (4-2) e Chaves (1-0), respectivamente.

    Da Liga de Honra, ficaram sem "passaporte" para a próxima eliminatória ficaram Feirense e Olhanense, que foram surpreendidos nas grandes penalidades por Fátima e Valdevez, assim como Sporting Covilhã e Estoril-Praia, que foram afastados pelos "homólogos" Varzim e Vizela.

    Também o Gondomar foi obrigado a "esforço suplementar" para afastar a Sanjoanense, que impôs um empate (1-1) após prolongamento e apenas sucumbiu nos castigos máximos.

    O Cinfães será o único representante da III Divisão na quarta eliminatória da competição, que conta ainda com sete clubes da II Divisão (Olivais e Moscavide, Valdevez, Arouca, Santana, Esmoriz, União Madeira e CD Fátima).

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.