Aprovado projeto de valorização e conservação dos recursos florestais na Macaronésia

Aprovado projeto de valorização e conservação dos recursos florestais na Macaronésia

 

Lusa/AO Online   Regional   22 de Jul de 2019, 10:30

A Comissão Europeia aprovou o projeto de valorização e conservação dos Recursos Florestais na Macaronésia - VALCONMAC II, que nos Açores terá um orçamento 181 mil euros, informou hoje a Secretaria Regional da Agricultura e Florestas.

De acordo com uma nota do Governo Regional dos Açores, a direção regional dos Recursos Florestais é a entidade responsável pela implementação do projeto na região com "variadas ações", entre as quais dar continuidade à "valorização de edifícios existentes para os adequar a Centros de Divulgação Florestal" com vista à divulgação do "rico património florestal" do arquipélago.

Segundo o executivo açoriano, em "Santa Maria pretende-se intervir numa infraestrutura existente na Reserva Florestal de Recreio de Valverde, dotando a ilha de um local onde se divulgue o trabalho realizado pelos Serviços Florestais locais, bem como os valores associados à floresta".

"O orçamento do projeto vai, igualmente, servir para continuar a intervenção em trilhos, melhorando a informação disponibilizada aos utilizadores e as condições de visitação por forma a promover um acesso com um menor impacto sobre os habitats naturais", acrescenta ainda a nota divulgada pelo executovo açoriano, acrescentando que "será dada continuidade ao trabalho iniciado nos acessos ao Pico da Vara - trilho de Algarvia/Pico da Vara".

Este projeto visa, ainda, a monitorização do solo, da água, da biodiversidade e dos altos valores de conservação em áreas intervencionadas, através de uma gestão florestal certificada.

No âmbito do VALCONMAC II serão realizadas jornadas técnicas para divulgação e formação sobre a utilização de novas tecnologias no sector florestal e metodologias inovadoras direcionadas para agentes da área florestal e parceiros do projeto.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.