André Bradford tomou posse esta terça-feira como deputado ao Parlamento Europeu

André Bradford tomou posse esta terça-feira como deputado ao Parlamento Europeu

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   2 de Jul de 2019, 17:21

O Eurodeputado eleito pelo PS/Açores, André Bradford, tomou posse esta terça-feira, reiterando o compromisso de defender intransigentemente os interesses dos Açores na Europa: “Agora a prioridade é, no meu caso concreto, a defesa das áreas que dizem respeito diretamente à Região, que importam mais aos Açores e aos açorianos”.

O único deputado dos Açores a ser eleito para o Parlamento Europeu, disse ainda, citado em comunicado, que “para além das tradicionais áreas dos setores produtivos, como a agricultura e as pescas, é altura das questões relacionadas com os transportes, juventude e ambiente entrarem, também, na agenda das prioridades açorianas no âmbito europeu”.


André Bradford referiu a importância da função técnico-política dos deputados Europeus, quer em termos de acompanhamento de dossiês, da produção de relatórios e do tratamento político da legislação proposta pela Comissão Europeia, como também na “atenção permanente que é necessária para garantir a defesa dos interesses dos Açores e que exige um trabalho de sensibilização, de influência e de pressão política para defender como prioridade a posição regional relativa a cada matéria”.


Sobre o trabalho realizado nas últimas semanas, André Bradford congratula-se com o facto de se ter incluído a questão da “Coesão Territorial” na Declaração Política do Grupo dos Socialistas e Democratas, a que pertence: “É importante garantir que a Coesão Territorial, que inicialmente não estava inscrita, faz parte da Declaração Política deste grupo, porque assim é assumida como uma prioridade para os próximos anos, assegurando que são tidas em conta as especificidades territoriais, o que no caso dos Açores diz respeito ao nosso estatuto de Região Ultraperiférica”.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.