Açoriano Oriental
Covid-19
Alemanha regista 1.576 novos casos e proíbe manifestações no fim de semana

A Alemanha voltou a contabilizar, esta quarta-feira, mais de 1.500 novos casos de covid-19 num só dia (1.576) e as autoridades decidiram proibir manifestações previstas para o fim de semana contra as medidas de contenção.

Alemanha regista 1.576 novos casos e proíbe manifestações no fim de semana

Autor: Lusa/AO Online

“As proibições justificam-se, principalmente, pelo fato de que o grupo de participantes deverá violar as medidas de contenção da covid-19 impostas pela lei”, adiantou em comunicado o Senado de Berlim.

A 01 de agosto, uma manifestação na capital, contra as restrições impostas para conter a pandemia de covid-19, concentrou milhares de pessoas, muitas delas sem máscara e a ignorar as regras de distanciamento físico.

Andreas Geisel, responsável pela pasta do Interior no Senado de Berlim, assumiu uma “ação consistente” da polícia, caso se verifiquem grandes ajuntamentos.

Vários movimentos e partidos de extrema-direita confirmaram presença na manifestação inicialmente prevista para sábado, entre eles o líder radical da Alternativa para Alemanha (AfD) da Turíngia, Björn Höcke.

A cidade-estado de Berlim registou, desde o início da pandemia de covid-19, 10.852, dos quais 9.900 foram considerados curados.

Nas últimas 24 horas, a Alemanha identificou 1.576 novos casos de covid-19 para um total de 236.429 e mais três vítimas mortais, somando 9.280.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.