Açoriano Oriental
Espanha
Vitória do PP marca "novo ciclo" em Espanha
O cabeça de lista do Partido Popular (PP) espanhol, Jaime Mayor Oreja, considerou a vitória do seu partido nas eleições europeias deste domingo “um novo ciclo de esperança” em Espanha e um novo ciclo “de defesa de valores” na UE.
 Vitória do PP marca "novo ciclo" em Espanha

Autor: Lusa / Ana Carvalho Melo

“O PP ganhou em Espanha e o PPE ganhou na Europa. Ganhámos as eleições em Espanha a olhar para a Europa”, disse, na varanda da sede do PP, em Madrid.

“São as primeiras eleições de cariz nacional e geral que vence o PP desde 2000 e as primeiras em que Governo de Rodriguez Zapatero foi derrotado pelos espanhóis numa eleição de cariz nacional”, considerou.

Oreja considerou que a vitória de hoje representa a vitória de “uma nova maioria” e que com este voto “se abre um novo ciclo que tem que terminar com a vitoria do PP para o Governo de Espanha”.

Deixando uma palavra de apoio para “os milhões de espanhóis que estão a passar mal” devido à crise económica, Mayor Oreja afirmou que os eurodeputados se comprometem em defender, na Europa, “os valores de milhões de espanhóis”.

“Os valores e a defesa deles vai ser um compromisso de todos os eurodeputados do grupo Popular no Parlamento Europeu. Ganharam os valores de milhões de espanhóis”, disse.

Temos pela frente uma grade tarefa, mas abre-se um novo ciclo de esperança. Hoje fizemos história em Espanha e por isso obrigado a todos”, considerou.

Também o líder do PP, Mariano Rajoy, saudou a campanha feita pelo seu partido, considerando a vitória de hoje “um momento histórico” que marca o principio do fim do PSOE no Governo.

“Este é o melhor resultado da nossa história numas eleições europeias”, afirmou.

“Hoje, uma nova maioria de espanhóis expressou a sua vontade de mudança e isso é o mais importante. Vamos cumprir em 100 por cento aquilo a que nos comprometemos”, disse.

“Vamos trabalhar por uma maior integração europeia, lutar da Europa contra a crise, defender todos os espanhóis, da agricultura à pesca. E sobretudo, continuaremos a exigir ao Governo de Espanha uma mudança na política económica para lutar eficazmente contra a crise, combater o desemprego e criar emprego”, afirmou.

“Isto exige uma mudança na política do Governo e em muitas outras coisas. Porque assim o disse uma ampla maioria dos espanhóis”, sublinhou.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.