Saúde

Vacinas da gripe A chegam a partir do dia 20 e não segunda-feira

Vacinas da gripe A chegam a partir do dia 20 e não segunda-feira

 

Lusa / AO online   Nacional   9 de Out de 2009, 16:21

As primeiras vacinas contra a gripe A (H1N1), que começam a ser administradas a partir de 26 de Outubro, chegam a Portugal a partir do próximo dia 20, disse esta sexta-feira fonte da farmacêutica GlaxoSmithKline, que comercializa o produto.
Inicialmente estava prevista a vinda das vacinas na segunda-feira, mas a sua chegada foi adiada, embora desta vez cheguem em maior número, disse a mesma fonte à Agência Lusa.

O transporte deste produto será feito por via rodoviária, com origem na Bélgica, e demorará entre dois a três dias.

Semanalmente, chegará a Portugal um carregamento de vacinas.

Segundo o Ministério da Saúde, serão inicialmente disponibilizadas 49 mil doses de vacina, as quais começam a ser administradas a partir de 26 de Outubro aos grupos prioritários.

Inicialmente, serão vacinados os profissionais de saúde, mas apenas os que "pela especialização e especificidade das suas funções" são considerados "dificilmente substituíveis", segundo Ana Jorge.

Também no grupo das grávidas serão apenas vacinadas as que se encontram no segundo e terceiro trimestre de gravidez e com patologias graves associadas.

Outro grupo que irá prioritariamente receber a vacina é o dos profissionais que desempenhem "actividades essenciais". Ana Jorge explicou que entre estes se encontram funcionários de empresas que fornecem serviços como gás, electricidade, comunicações, segurança, saneamento e também da comunicação social.

Em Julho, o Executivo português aprovou uma verba de 45 milhões de euros para adquirir seis milhões de vacinas, que servirão para imunizar três milhões de pessoas.

Portugal encomendou a vacina Pandremrix, do laboratório GlaxoSmithKline.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.