Liga dos Campeões

Sporting inicia Liga dos Campeões com derrota em Camp Nou

Sporting inicia Liga dos Campeões com derrota em Camp Nou

 

Lusa/AO   Futebol   16 de Set de 2008, 21:11

O Sporting estreou-se na Liga dos Campeões de futebol com uma derrota, por 3-1, em visita ao FC Barcelona
O Sporting estreou-se na Liga dos Campeões de futebol com uma derrota, por 3-1, em visita ao FC Barcelona, a sua oitava deslocação a Espanha sem ganhar em partidas "a doer".
Tonel, aos 72 minutos, ainda voltou a colocar a equipa portuguesa a perder pela margem mínima (2-1), depois dos tentos do defesa mexicano Marquez (21) e do avançado camaronês Eto'o (60), este de grande penalidade, mas o médio Xavi materializou o maior poderio "blaugrana" com o terceiro golo, já aos 87 minutos.
O FC Barcelona lidera assim o agrupamento C da "liga milionária", com os mesmos três pontos conseguidos pelos ucranianos do Shakthar Donetsk na visita aos suíços do FC Basileia (2-1), seguindo portugueses e helvéticos ainda sem pontos.
Paulo Bento, técnico dos "verde-e-brancos", apenas trocou o argentino Grimi pelo internacional português Marco Caneira, no posto de defesa lateral esquerdo, com o habitual esquema em 4-4-2, face à última partida, enquanto o seu homólogo, Guardiola, utilizou de início o "astro" argentino Lionel Messi e o francês Thierry Henry, além de Marquez e do médio Iniesta, no sistema 4-3-3.
No primeiro quarto-de-hora, o "Barça" aproveitou alguma passividade da equipa portuguesa e chegou com perigo à baliza de Rui Patrício graças às variadas e rápidas trocas de bola e desmarcações.
Aos 21 minutos, Marquez, no primeiro pontapé-de-canto a beneficiar os "culé", foi deixado sozinho e pôde escolher um cabeceamento cruzado para inaugurar o marcador a favor dos catalães, num centro bem medido de Xavi.
Antes, o "astro" argentino Lionel Messi deixara três sportinguistas pelo relvado até chegar à entrada da área e rematar a rasar o poste esquerdo da baliza dos "leões".
O primeiro remate dos visitantes aconteceu só aos 25 minutos, pelo brasileiro Rochemback, que voltou a testar os reflexos do guardião Valdês, aos 31 minutos, num potente remate, ao cobrar um livre directo.
Seguiu-se uma fase de ritmo mais pausado, mas a equipa da casa demonstrava a sua superioridade a cada passe e, sobretudo, na diferença de velocidade de execução, enquanto o Sporting não construiu um par de jogadas seguidas em toda a primeira parte fazer.
Na segunda parte, o avançado brasileiro Derlei, só com Valdés pela frente, desperdiçou a oportunidade de empatar a partida, aos 49 minutos e após Djaló ter ganho a bola a Daniel Alves, no flanco esquerdo.
Aos 60 minutos, o avançado camaronês Samuel Eto'o quase "matou" a partida, aumentando a vantagem do FC Barcelona para 2-0, na cobrança de um penalti, depois de Abel o ter empurrado pelas costas em plena grande área.
Mesmo com Hélder Postiga e Miguel Veloso nos lugares de Djaló e do argentino Romagnoli, o Sporting continuou inofensivo para a linha defensiva do "Barça", à excepção do livre cobrado por Miguel Veloso, aos 72 minutos, correspondido por Tonel, que esticou o pé e reduziu a desvantagem sportinguista para o 2-1 final.
Com a saída de Caneira e o recuo de Miguel Veloso para lateral esquerdo, entrando Pereirinha em campo, os catalães voltaram a dominar a seu bel-prazer e construíram várias oportunidades, por intermédio de Messi e Iniesta, tendo sido este último a fazer o cruzamento para o 3-1 final, "assinado" pela sola da bota de Xavi, aos 87 minutos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.