Rio diz a Costa que pode dormir descansado que PSD não degrada finanças públicas

Rio diz a Costa que pode dormir descansado que PSD não degrada finanças públicas

 

Lusa/Ao online   Nacional   24 de Nov de 2018, 11:29

O líder do PSD, Rui Rio, disse esta sexta feira que o primeiro-ministro, o socialista António Costa, pode dormir descansado, porque do partido nunca irá haver degradação das finanças públicas.

“Se há coisa que ao longo da minha vida eu fiz foi pôr as finanças em ordem, privadas e públicas. Portanto, é evidente que esse é um temor que se o primeiro-ministro tem, escusa de ter, pode dormir descansado, porque, pela parte do PSD, nunca irá haver, em circunstância alguma, degradação das finanças públicas, bem pelo contrário”, afirmou Rui Rio aos jornalistas, em Lisboa, depois de um encontro em privado com o Presidente de Angola, João Lourenço, que termina no sábado a sua primeira visita de Estado a Portugal.

Em entrevista à agência Lusa, o primeiro-ministro acusou o PSD de revelar "esquizofrenia" sobre o Orçamento, esperando que as alterações apresentadas pelos partidos não adulterem a proposta do Governo e defende que a política económico-financeira seguida previne "tempestades" que cheguem do exterior.

António Costa declarou ter "confiança" de que o debate na especialidade do Orçamento do Estado, na Assembleia da República, não desequilibre "uma receita que já demonstrou dar bons resultados".

Ao ser questionado sobre as declarações do chefe do executivo, o presidente do PSD afirmou estar “totalmente de acordo”.

“A última coisa que em Portugal poderiam ver era o Partido Social Democrata agravar o défice, particularmente um Partido Social Democrata em que eu sou presidente”, acrescentou.




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.